Mogi das Cruzes (SP) terá Semana da Pessoa com Deficiência

Compartilhe:

Para lembrar o Dia Nacional de Luta das Pessoas com Deficiência, comemorado em 21 de setembro, a Prefeitura de Mogi das Cruzes está promovendo a Semana da Pessoa com Deficiência, que reúne uma série de palestras e atrações culturais. A abertura do evento foi realizada nesta segunda-feira (16/9), no Cemforpe, com a presença de diversas autoridades e entidades que representam as pessoas com deficiência na cidade.

Na abertura, o público presente pode conferir a apresentação do deficiente visual Luiz Euclides, que tocou o hino nacional no acordeão, e do casal Ricardo Pedroso e Cristiane Moraes, que fez uma apresentação do musical “A Bela e a Fera”. “Estou muito feliz porque estou vendo aqui pessoas que realmente trabalham pela inclusão social em nosso município e esse evento é mais um dos avanços de Mogi das Cruzes”, disse a coordenadora da Copede – Coordenadoria Municipal da Pessoa com Deficiência, Valeriana da Silva Alves.

Desde 2009 uma série de ações vem sendo tomadas para ampliar a atenção às pessoas com deficiência na cidade, a começar pela implantação da Copede na estrutura da Secretaria Municipal de Assistência Social. “Depois de 2008, quando o Governo do Estado implantou a Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência, passamos a estimular a criação de estâncias municipais, como secretarias, coordenadorias ou assessorias, para impulsionar as ações e as políticas voltadas para a inclusão social”, explicou o coordenador de Relações Institucionais da Secretaria Estadual dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Cid Torquato.

Após sua implantação, a Copede vem norteando as políticas públicas de inclusão das pessoas com deficiência à sociedade por meio de programas como o Emprego Para Todos, que faz um intermédio entre pessoas com deficiência em busca de um emprego e empresas que precisam preencher suas cotas de admissão de deficientes. Outra ação de destaque na cidade é a frota 100% adaptada, um dos motivos que levaram Mogi das Cruzes a conquistar uma unidade da AACD – Associação de Assistência à Criança Deficiente. “Vários avanços tem sido registrados nos últimos anos, principalmente na área da saúde”, afirma a secretária municipal de Assistência Social, Eliana Mangini.

Na abertura da solenidade, o público presente pode ouvir a palestra da deputada estadual Célia Leão. “A Semana da Pessoa com Deficiência representa uma luta constante pela educação, saúde, emprego e transporte das pessoas com deficiência”, afirmou. No evento, o público presente também recebeu exemplares da “Cartilha de Orientação às Pessoas com Deficiência e seus Familiares” produzida pelo Cejam – Centro de Estudos e Pesquisas e um folder com ações e serviços existentes em Mogi das Cruzes.

Veículos

Durante abertura da Semana da Pessoa com Deficiência, foram apresentados dois novos veículos adaptados para cadeirantes que serão incorporados à frota atualmente composta por quatro vans adaptadas. Os veículos são disponibilizados pelo SAE – Serviço de Atendimento Especial que realiza o transporte de pessoas com mobilidade reduzida para tratamentos de saúde. Os dois novos veículos são um microônibus com capacidade para seis cadeirantes mais 14 assentos para os respectivos acompanhantes e um ônibus adaptado com capacidade para seis cadeirantes e 12 lugares para acompanhantes. A frota atual já conta com quatro vans, cada uma delas com espaço para transportar dois cadeirantes e os respectivos acompanhantes. No total, agora são 20 vagas para o transporte de cadeirantes.

Fonte: Prefeitura de Mogi das Cruzes

11 respostas para “O que aprendi ao falar no TEDx Talks”

  1. Bom dia. Sou pessoa que gagueja e a vida toda sofri com essa dificuldade. Não consigo me expressar a maneira que gostaria. A gagueira me causa sofrimento, tenho 36 anos e sempre gaguejei. No trabalho isso me causa desconforto, porque as pessoas não entendem o que é a gagueira, alguns riem, outros fazem piadas, outros tem pena de mim. Em entrevistas de emprego sou excluída.
    Não sou uma pessoa considerada ” normal”, mas também não sou considerada deficiente. Esse projeto de lei me trouxe esperança. Muito obrigada pela postagem.

  2. Vcs que tem alguma diferença física dos outros, nuncam se sintam inferiores, somos todos iguais. Deus, Ele nos fez perfeitos com muito amor e todos somos capazes, nunca deixe se elevar pelo sentimento ruim de alguém que não sabe se expressar, qualquer ser humano pode superar suas dificuldades, se orgulhe de vcs, são capazes de fazer sempre o melhor, e use a seu favor: a paciência, benovolência e a calma e toda a sabedoria que vcs tem. Um grande abraço meus irmãos.

  3. em algumas companhias de avião (Latam, Gol…) só é permitido o voo gratuito do def.fisico em caso de tratamento médico comprovado, para isso deve preencher cadastro valido por um ano, no caso do acompanhante terá 50% de desconto na viagem. melhores informações no Youtube “Pessoas com deficiência terão passe livre em aviões” ou similares. boa sorte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *