Teatro Cacilda Becker recebe espetáculo da Pulsar Cia. de Dança

Compartilhe:

Nos dias 21 e 22 de setembro, a Pulsar Cia. de Dança sube ao palco do teatro Cacilda Becker, no Rio de Janeiro, com o espetáculo ‘Indefinidamente Indivisível’. Em cena, os bailarinos traçam um roteiro de possibilidades e variantes. O risco permanece, pois o erro é a parte viva do acerto: abre para o que pode vir a ser. O espetáculo busca contribuir com novas perspectivas, ampliar o diálogo e o questionamento em torno da arte, para pessoas com ou sem deficiência, e estimular no espectador um novo olhar em relação à arte e à diferença. A montagem foi contemplada no Prêmio Funarte Petrobras de Dança Klauss Vianna/2012.

Criada em 2000, no Rio de Janeiro, a Pulsar Cia de Dança tem se dedicado à construção de obras coreográficas em dança contemporânea, refletindo em sua pesquisa a multiplicidade do indivíduo e a produção artística, entre corpos ímpares, com resoluções próprias de movimento. Vem sendo considerada, nos últimos anos, uma referência nacional no trabalho com arte, dança e deficiência.

Nesses treze anos, apresentou-se em diversas cidades brasileiras; recebeu, em 2004, o Prêmio Ordem ao Mérito Cultural. Nesse mesmo ano, representou a América Latina na Cerimônia de Abertura, no Internacional VSA Arts Festival, em Washington. Conquistou diversos prêmios e foi contemplada em editais, que possibilitam à companhia realizar, desenvolver e manter a qualidade de suas ações e espetáculos. É companhia residente do Centro Coreográfico da Cidade do Rio de Janeiro e faz parte do núcleo coreográfico da Escola e Faculdade Angel Vianna. Ao longo de seu percurso, vem também ministrando palestras e oficinas sobre dança, educação e cidadania.

Programação

‘Indefinidamente Indivisível’
Contemplado no Prêmio Funarte Petrobras de Dança Klauss Vianna/2012
Com a Pulsar Cia de Dança

Dias 20, 21 e 22 de setembro (sexta, sábado e domingo)
Horário: 19h (sexta e domingo) e 20h (sábado)
Duração: 55 minutos
Classificação: Livre
Entrada: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia)

Teatro Cacilda Becker

Rua do Catete, 338 – Catete
Rio de Janeiro – RJ
Telefone : (21) 2265 9933

Ficha Técnica
Criação e Direção Artística: Maria Teresa Taquechel y Saiz
Intérpretes: Andréa Chiesorin, Beth Caetano, Bruno Almeida, Laura Noronha, Paula Mori, Raphael Arah e Rogério Andreolli
Pesquisa de Movimento:  Andréa Chiesorin, Ana Luisa Vasconcellos,  Beth Caetano, Camila Fersi, Frederico Baptista, Gabriela Alcofra, Renata Souza, Rogério Andreolli e Vandré Vitorino
Composição Musical: Bernardo Gebara
Voz em Off: Angel Vianna
Desenho de Luz: Renato Machado
Direção de Arte: Maria Célia Salgado
Figurinos: Rafael Silva
Pesquisa de Figurino: Dréa Nunes
Preparação Corporal:  Maria Teresa Taquechel y Saiz( Metodo Angel Vianna e Feldenkrais), Ingrid  Labeta (ballet)
Professores Convidados:  Angel Vianna (Conscientização do Movimento),Thereza Feitosa (Eutonia), Esther Schor (Feldenkrais), James Arêas (Filosofia).
Operação de Luz: Pablo Rodrigues
Operação de som: Taíla Borges
Design Gráfico: Letícia Bonardi/Propaganda Tática
Fotos: Jaime Acioli
Administração e Direção de Produção: Christina Penna/ Hólos Consultores Associados
Produção Técnica: Paula Mori e Taíla Borges
Produção Executiva: Christina Penna
Realização: Pulsar Cia de Dança

Programação integrante do projeto Conexão Cacilda, contemplado pela Fundação Nacional de Artes – Funarte no Edital de Ocupação do Teatro Cacilda Becker 2013

Fonte: Funarte

11 respostas para “O que aprendi ao falar no TEDx Talks”

  1. Bom dia. Sou pessoa que gagueja e a vida toda sofri com essa dificuldade. Não consigo me expressar a maneira que gostaria. A gagueira me causa sofrimento, tenho 36 anos e sempre gaguejei. No trabalho isso me causa desconforto, porque as pessoas não entendem o que é a gagueira, alguns riem, outros fazem piadas, outros tem pena de mim. Em entrevistas de emprego sou excluída.
    Não sou uma pessoa considerada ” normal”, mas também não sou considerada deficiente. Esse projeto de lei me trouxe esperança. Muito obrigada pela postagem.

  2. Vcs que tem alguma diferença física dos outros, nuncam se sintam inferiores, somos todos iguais. Deus, Ele nos fez perfeitos com muito amor e todos somos capazes, nunca deixe se elevar pelo sentimento ruim de alguém que não sabe se expressar, qualquer ser humano pode superar suas dificuldades, se orgulhe de vcs, são capazes de fazer sempre o melhor, e use a seu favor: a paciência, benovolência e a calma e toda a sabedoria que vcs tem. Um grande abraço meus irmãos.

  3. em algumas companhias de avião (Latam, Gol…) só é permitido o voo gratuito do def.fisico em caso de tratamento médico comprovado, para isso deve preencher cadastro valido por um ano, no caso do acompanhante terá 50% de desconto na viagem. melhores informações no Youtube “Pessoas com deficiência terão passe livre em aviões” ou similares. boa sorte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *