Audiência discutirá regulamentação da equoterapia

Compartilhe:

A Comissão de Seguridade Social e Família vai promover audiência pública, nesta quinta-feira (26), para discutir o projeto (PL 4761/12, do Senado) que regulamenta a prática da equoterapia – método de reabilitação que utiliza o cavalo para o desenvolvimento de pessoa com deficiência.

A iniciativa do debate é da relatora da proposta na comissão, deputada Nilda Gondim (PMDB-PB). Ela destaca que a equoterapia auxilia no fortalecimento da musculatura dos pacientes, na redução da ansiedade e no aumento da autoestima dos pacientes.

Leia maisOs benefícios da equoterapia para as pessoas com deficiência

“Os exercícios são realizados com a orientação de um especialista para que sejam feitos de forma segura e aproveitando os movimentos do cavalo. O ser humano, ao conseguir domar um animal maior e mais forte do que ele, sente-se motivado e com a autoestima elevada”, explica a relatora.

Foram convidados para a audiência:

– o presidente da Associação Nacional de Equoterapia (Ande), Jorge Dorneles Passamani;
– a coordenadora técnica e administrativa do Centro de Equoterapia Rancho Cambará, Aparecida de Lima Oliveira;
– o coordenador do curso de Medicina Veterinária e Hospital Veterinário da Universidade Metodista de São Paulo, Nilton Abreu Zanco; e
– representantes do Ministério da Saúde.

A reunião será realizada no Plenário 7, às 9h30.

Fonte: Agência Câmara Notícias