Porto Velho (RO) terá o primeiro Centro de Reabilitação do Estado para pessoas com deficiência

Compartilhe:

O Governo de Rondônia vai implantar o primeiro Centro de Referência em Reabilitação de Rondônia (Cero), que atuará nos quatro âmbitos da Reabilitação (física, auditiva, intelectual e visual), com investimentos previstos em R$7 milhões de reais. A unidade de saúde funcionará na estrutura onde seria localizada uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), no Bairro Mariana, Zona Leste de Porto Velho, e sua inauguração está prevista para o mês de dezembro deste ano.

‘Será o primeiro Centro de Reabilitação no Estado que prestará o atendimento das necessidades básicas especificas de saúde para pessoas que necessitam de habilitação e reabilitação, focando principalmente a inclusão social. O Cero é a estrutura organizada de assistência à atenção integral à saúde em reabilitação, fortalecida pelo o ideário do Sistema Único de Saúde (SUS)", disse Williames Pimentel, secretário de Estado da Saúde."

De acordo com o secretário, o serviço prestará o atendimento das necessidades específicas de saúde para pessoas que necessitam, através da promoção, prevenção, reabilitação e principalmente a inclusão social, e vem atender a uma determinação do governador Confúcio Moura em fortalecer a demanda de atendimento à saúde, notadamente na região mais populosa da cidade, a Zona Leste da capital.  

De acordo com Pimentel, o Cero terá profissionais especializados em reabilitação, atuando nas áreas de reabilitação física, auditiva, intelectual e visual. Esta estratégia tem como base os atendimentos às pessoas que precisam dos serviços de reabilitação em todo o Estado, mas estará localizada em Porto Velho, onde os índices de acidentes de trânsito são maiores, fazendo inúmeras vítimas que, posteriormente, necessitam ser habilitadas ou reabilitadas.

Com a implantação do Centro de Reabilitação, será reduzido o encaminhamento de pacientes para tratamento fora de domicilio (TFD), para esta finalidade. O Cero será criado com inovações, focadas para o atendimento integral às pessoas com deficiência. O atendimento será implantado com base no serviço prestado pelo Hospital Sarah Kubitschek de Brasília e pelo Centro de Reabilitação Dr. Henrique Santillo em Goiânia, que são referências em Reabilitação.

Para atender com qualidade e eficiência os usuários do serviço, o Cero vai disponibilizar especialidades como fisioterapia, terapia ocupacional, fonoaudiologia, psicologia, nutrição, e enfermagem, assistência social e clínica.

Fonte: Governo de Rondônia