MIS realiza a 5ª edição do Conexão Cultural São Paulo

Compartilhe:

Em comemoração ao aniversário da capital paulista, o MIS realiza a 5ª edição do Conexão Cultural São Paulo, que reúne exposições, intervenções, arte urbana, música e gastronomia. Com o tema “São Paulo, Terra da Garoa”, o evento ocorre no sábado, dia 25 de janeiro, das 12h às 22h.

Para esta edição, artistas e coletivos paulistanos foram convidados a criar instalações, inspirados no universo da chuva, com a proposta de gerar experiências envolventes. A Mais Diferenças, em parceria com o Conexão Cultural, é uma das expositoras. As produções visam a uma fruição estética acessível e inclusiva.

Um concurso fotográfico, realizado via Instagram, selecionou 20 imagens a serem projetadas em uma parede. Para que todos (pessoas com e sem deficiência) tenham acesso a essa exposição, foram desenvolvidos recursos de acessibilidade como audiodescrição e janela de Língua Brasileira de Sinais (LIBRAS). A exibição de imagens táteis complementa a mostra. O intuito é a transposição da experiência estética visual de cada imagem para uma experiência estética tátil.

Confira a programação completa do Conexão Cultural São Paulo:

Umbrella 011 Parede
12h às 18h | área externa
Guarda-Chuvas estilizados pelos artistas Mundano, Cadú Mendonça, Tiago Marchesano, Reynaldo Berto, Mari Pavanelli, Katia Suzue, Tikka, XGuix e Grazie Gra, serão espalhados pela área externa do MIS durante o evento.

Arte ao Vivo
12h às 18h | área externa
A grafiteira Tikka vai criar um painel ao vivo durante o Conexão Cultural São Paulo. A artista começou sua trajetória em 2002 e se encantou com as possibilidades de interação com a cidade e o cotidiano das pessoas. Seu estilo revela um universo lúdico, com personagens de expressão melancólica que despertam sentimentos conflitantes.

Grupo TRIII
13h às 14h | área externa
O grupo Triii realizará um show infantil que reúne histórias, brincadeiras e performances, com o objetivo de interagir de forma descontraída com crianças e pais.

BOSS Traditional JAZZ
17h às 20h | área externa
A BOSS Traditional Jazz nasceu de uma maneira improvável. Seis pessoas diferentes, de gerações diferentes, com gostos musicais e influências diferentes se encontraram por meio da música e pelo prazer de fazer música. Assim como o jazz de New Orleans, a sua intenção é ser musicalmente rebelde e reinventar, a cada apresentação, os temas e canções que ficaram imortalizados por grandes músicos como Louis Armstrong e Sidney Bechet, por exemplo.

Trupe Chá de Boldo
20h | Auditório MIS
Formada entre 2005 e 2006, em São Paulo, a Trupe Chá de Boldo surgiu como uma banda festiva, de som eclético e carnavalesco. Hoje, composta por 13 músicos, realiza um trabalho predominantemente autoral. Após se apresentar no projeto Prata da Casa, no Sesc Pompeia, em 2008, a Trupe decidiu entrar em estúdio para fazer seu primeiro registro gravado, que resultou no disco “Bárbaro” (2010). Os ingressos para o show são de R$ 6 (inteira) e R$ 3 (meia).

Exposição São Paulo Terra da Garoa
12h às 22h | Nicho – 25/01 a 8/02
Por meio da convocatória “São Paulo, Terra da Garoa”, que segue aberta até 10.01 via aplicativo Instagram, selecionaremos as melhores fotos da cidade de São Paulo e sua relação com a chuva. As imagens escolhidas farão parte da exposição, criada junto com a associação MAIS DIFERENÇAS, que tem como foco de atuação a educação e cultura inclusivas. Uma trilha sonora musical original será composta para essa história e uma pequena tela ao lado da projeção disponibilizará um vídeo em LIBRAS. A exposição também conta com uma parede tátil, criando sensações e experiências que, de certa forma, fazem com que o espectador entre em contato com o universo da chuva, da água e da poética desse universo. Diferentes materiais, como mangueiras, objetos maleáveis com água dentro, galochas e guarda-chuvas irão compor uma grande escultura interativa que, simultaneamente, também terá uma impacto visual e espacial.

Instalação Leite-com #TudoPodeSerMaisBonito
12h às 22h | Foyer – 25/01 a 8/02
Para trazer cores à garoa e também homenageá-la, a Leite-com organizou um painel/instalação com guarda-chuvas, onde o público é convidado a interagir e tirar fotos para participar de um concurso via Instagram – no qual a melhor foto/interação com as hastags #conexaomis e #tudopodesermaisbonito ganhará um guarda-chuva da Leite-Com.

Intervenção GUARDA-GENTE
12h às 22h | Passarela – área externa
O RUA, coletivo de intervenção urbana, criou uma instalação com dezenas de guarda-chuvas coloridos presos no teto da passarela que dá acesso à entrada do MIS. Com o objetivo de alertar sobre a diferença entre o individualismo e coletivismo, os guarda-chuvas serão equipados com sensores de luzes coloridas que acendem automaticamente com o passar dos transeuntes.

 

Fonte: Mais Diferenças