Dois exoesqueletos que farão paraplégico andar chegaram a SP, diz Nicolelis

Compartilhe:

O projeto "Andar de Novo", liderado pelo neurocientista brasileiro Miguel Nicolelis, tem como objetivo fazer um paraplégico levantar da cadeira de rodas e dar o primeiro chute da Copa do Mundo, que ocorre em junho no Brasil. Nesta quarta-feira (5), o pesquisador contou em seu Facebook que dois exoesqueletos (que serão responsáveis por fazer as pernas se mexerem ao comando do cérebro) chegaram a São Paulo para testes.

A AACD já recrutou voluntários que estão sendo treinados desde o ano passado para comandarem o exoesqueleto. O mais bem adaptado à vestimenta e aos comandos será o escolhido para o chute.

Em 4 de fevereiro, o cientista afirmou que a equipe do projeto, em Paris, conseguiu fazer ambas as pernas do exoesqueleto se movimentarem ao mesmo tempo, reproduzindo um padrão de caminhada. "Articulações moveram-se perfeitamente, com movimentos fluídos e sem qualquer ruído mecânico. Exo supera primeiro grande teste mecânico e de controle", disse na rede social.

O pesquisador evita falar com a imprensa e contar sobre os passos do projeto que conta com várias linhas de pesquisa, desde um mundo virtual para treinar os comandos cerebrais até o desenvolvimento de roupas com resposta tátil.

Fonte: UOL Notícias Ciências