SERT tem 100 vagas que aceitam pessoas com deficiência no Vale do Paraíba

Compartilhe:

O programa Emprega São Paulo/Mais Emprego, agência de empregos pública e gratuita gerenciada pela Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho (SERT), em parceria com o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), oferece nesta semana 100 vagas de trabalho que aceitam pessoas com deficiência no Vale do Paraíba.

Confira os destaques:
 

Ocupação Local da Vaga Número de Vagas Escolaridade Exige Experiência
Atendente de Balcão Taubaté 17 Ensino Médio Não
Manobrista São José dos Campos 10 Ensino Fundamental Não
Atendente Geral Aparecida 02 Ensino Fundamental 4 meses

Como se cadastrar

Para ter acesso às vagas basta acessar o site: www.empregasaopaulo.sp.gov.br criar login, senha e informar os dados solicitados. Outra opção é comparecer a um Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) com RG, CPF, PIS, Carteira de Trabalho, laudo médico com o Código Internacional de Doenças (CID) e Audiometria (no caso de deficiência auditiva). Quem não tiver o laudo será orientado no próprio PAT sobre como proceder para conseguir a documentação exigida. O candidato pode comparecer na sede do PADEF, localizado, na Rua Boa Vista, 170 – 1° andar.

O cadastramento do empregador também poderá ser feito através do site do Emprega São Paulo ou PAT. Para disponibilizar vagas através do sistema, é necessária a apresentação do CNPJ da empresa, razão social, endereço e o nome do solicitante.

Sobre o PADEF

Desde 1995, quando foi criado, o Programa de Apoio á Pessoa com Deficiência (PADEF) inseriu mais de 13,5 mil pessoas com deficiência no mercado de trabalho.

O PADEF oferece avaliação de perfil profissional, orientação quanto ao laudo médico e as exigências do mercado de trabalho, encaminhamento para cursos e/ou vagas disponíveis, emissão de carteira de trabalho e habilitação do seguro-desemprego e divulgação de oportunidades de emprego.

Para os empresários interessados na contratação, o programa realiza processo seletivo, orientação para análise de funções e palestras de sensibilização.

Fonte: Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho (SERT)