Pessoas com deficiência visual acompanham partida da Copa com audiodescrição

Compartilhe:

Oito atletas com deficiência visual da Baixada Santista foram a São Paulo acompanhar a partida entre Argentina e Suíça. Eles são jogadores de golbol, esporte praticado por pessoas com deficiência visual. Além de sentir a emoção do estádio, o grupo vai acompanhar a partida com ajuda da audiodescrição, serviço disponível em quatro estádios nesta Copa.

Uma manhã de muita expectativa: alguns atletas do golbol já foram a estádios, mas acompanhar um jogo de oitavas de final de uma Copa do Mundo é diferente. No estádio, eles terão acesso ao serviço de audiodescrição. “Eu já enxerguei, então a gente tem mais ou menos uma noção do que está acontecendo, narrando direitinho. Acredito que vão passar os detalhes do que esta acontecendo no jogo”, diz o jogador Marcelo Torres.

A audiodescrição é bem parecida com a narração de rádio, a diferença é que ela é rica em detalhes.

Apesar da experiência inédita, eles já tentam imaginar alguns lances do jogo. “É bem emocionante, o fato da audiodescrição para gente, porque às vezes pela televisão a gente fica meio perdido sobre o que está acontecendo”, fala Ísis da Silva.

Fonte: G1