Google cria colher para ajudar pacientes com Parkinson a comer

Compartilhe:

Uma startup de São Francisco (Estados Unidos) chamada Lift Labs, adquirida recentemente pelo Google, criou a Liftware Spoon, uma colher com um adaptador que permite pessoas com doenças que causam tremores, como a doença de Parkinson, a comer normalmente, sem derramar a comida.

O produto possui no cabo um sensor que identifica o tremor e aciona na sequência um sistema estabilizador que mantém a comida no lugar quando a mão da pessoa está tremendo. A importância do feito conquistado pela startup fica clara quando se assiste ao vídeo de apresentação do produto, bastante emocionante.

A startup agora integra o Google X, uma divisão secreta do Google dedicada a avanços tecnológicos de ponta.

O Google afirma que o dispositivo reduz em 76% a queda de alimentos e que a tecnologia pode ser adaptada para outros utensílios usados por pessoas com doenças que causam tremores no dia a dia.  O produto já está à venda no site da startup Lift Lab por US$ 295.

O interesse do Google na área é relacionado não só ao investimento cada vez maior da empresa em soluções na área da saúde. A mãe do cofundador Sergey Brin foi diagnosticada com a doença de Parkinson em 2009.

Veja o vídeo abaixo que mostra o funcionamento da colher:

 

 

Fonte: Estadão

6 respostas para “O que aprendi ao falar no TEDx Talks”

  1. Bom dia. Sou pessoa que gagueja e a vida toda sofri com essa dificuldade. Não consigo me expressar a maneira que gostaria. A gagueira me causa sofrimento, tenho 36 anos e sempre gaguejei. No trabalho isso me causa desconforto, porque as pessoas não entendem o que é a gagueira, alguns riem, outros fazem piadas, outros tem pena de mim. Em entrevistas de emprego sou excluída.
    Não sou uma pessoa considerada ” normal”, mas também não sou considerada deficiente. Esse projeto de lei me trouxe esperança. Muito obrigada pela postagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *