Pessoas com deficiência física tomam banho de mar em Camburi, Vitória

Compartilhe:

Além de atividades para crianças e adultos, a Praia de Camburi, em Vitória (ES), recebeu no último sábado (10), uma ação do projeto Praia Acessível. Pessoas com deficiência física puderam tomar banho de mar na capital do Espírito Santo com a ajuda de uma rampa de acesso e cadeiras anfíbias, que ficou à disposição dos banhistas das 8h às 12h, de acordo com a prefeitura.

Em uma tenda instalada nas areias da Praia de Camburi, profissionais da prefeitura auxiliaram e orientaram as pessoas com deficiência pata que tivessevem um lazer seguro.

A cadeira anfíbia é especial, porque não afunda na areia e é flutuante. A altura permite ainda que a pessoa que a utiliza sinta a água do mar.

Por volta das 14h, o Praia Acessível retornou a seu ponto de origem, na Curva da Jurema. Durante todo o verão, o projeto funcionará de terça à domingo, das 8h às 17h.

Serviço
Praia Acessível
Sábado (10), 8h às 12h – Praia de Camburi
Durante todo o verão, terça a domingo, das 8h às 17h, na Curva da Jurema.

Fonte: G1

6 respostas para “O que aprendi ao falar no TEDx Talks”

  1. Bom dia. Sou pessoa que gagueja e a vida toda sofri com essa dificuldade. Não consigo me expressar a maneira que gostaria. A gagueira me causa sofrimento, tenho 36 anos e sempre gaguejei. No trabalho isso me causa desconforto, porque as pessoas não entendem o que é a gagueira, alguns riem, outros fazem piadas, outros tem pena de mim. Em entrevistas de emprego sou excluída.
    Não sou uma pessoa considerada ” normal”, mas também não sou considerada deficiente. Esse projeto de lei me trouxe esperança. Muito obrigada pela postagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *