Aplicativo gratuito ensina Libras de maneira fácil

Compartilhe:

Para quem quer ou precisa aprender Libras,  o site Canal do Ensino divulgou um aplicativo gratuito que ensina de maneira fácil, prática e objetiva.O Librazuka também pode ajudar professores no trabalho com alunos com necessidades educacionais específicas. Além disso, melhora a comunicação entre familiares e amigos de pessoas com deficiência.

A didática é feita por módulos teóricos (alfabeto, números e gramática) e jogos que auxiliam na fixação do conteúdo. Conta também  conta com dois dicionários (Ordem alfabética e Configuração de Mão) e opção com realidade aumentada – ao posicionar a câmera do celular sobre uma imagem pré-determinada, uma animação 3D é exibida demonstrando o sinal em Libras para aquela palavra. O Librazuka está disponível gratuitamente para Android. 

Como foi criado o aplicativo
 
Um grupo de estudantes do curso de Ciência da Computação da Universidade São Judas Tadeu, em São Paulo, desenvolveu o aplicativo durante o Trabalho de Conclusão de Curso. O intuito dos estudantes Alex Vieira Bastos, Amanda Botelho de Souza e Henrique Erico de França, era ensinar a Língua Brasileira de Sinais de maneira simplificada e facilitar a comunicação de surdos e pessoas com deficiência na fala.

A partir de algumas pesquisas, eles perceberam que mesmo sendo a segunda língua oficial do Brasil, Libras ainda é desconhecida para a maioria dos brasileiros. Somado a essa necessidade, também havia espaço no mercado que impulsionasse a iniciativa.
 
Com a ideia planejada, surgiu o desafio de aprender a linguagem. Para isso, os alunos se matricularam no curso de Libras, inclusive e desenvolveram o aplicativo com validações e experiências próprias realizadas durante as aulas.

9 respostas para “O que aprendi ao falar no TEDx Talks”

  1. Bom dia. Sou pessoa que gagueja e a vida toda sofri com essa dificuldade. Não consigo me expressar a maneira que gostaria. A gagueira me causa sofrimento, tenho 36 anos e sempre gaguejei. No trabalho isso me causa desconforto, porque as pessoas não entendem o que é a gagueira, alguns riem, outros fazem piadas, outros tem pena de mim. Em entrevistas de emprego sou excluída.
    Não sou uma pessoa considerada ” normal”, mas também não sou considerada deficiente. Esse projeto de lei me trouxe esperança. Muito obrigada pela postagem.

  2. Vcs que tem alguma diferença física dos outros, nuncam se sintam inferiores, somos todos iguais. Deus, Ele nos fez perfeitos com muito amor e todos somos capazes, nunca deixe se elevar pelo sentimento ruim de alguém que não sabe se expressar, qualquer ser humano pode superar suas dificuldades, se orgulhe de vcs, são capazes de fazer sempre o melhor, e use a seu favor: a paciência, benovolência e a calma e toda a sabedoria que vcs tem. Um grande abraço meus irmãos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *