Os Primeiros 100 Dias de Murilo: continuação de campanha é lançada pela Huggies

Compartilhe:

Depois de lançar a campanha 'Conhecendo Murilo', em 2015, a qual foi super premiada no Festival de Cannes, a marca Huggies lançou, neste mês de março, a continuação da mesma, que retrata os primeiros 100 dias de vida do pequeno.

No primeiro vídeo, a marca apresenta a história real de uma mãe com deficiência visual que toca seu filho pela primeira vez, ainda no momento do ultrassom. Por meio de uma impressora 3D, o rosto do bebê é reproduzido, e, assim, a mãe consegue senti-lo e abraçá-lo.

Criada pela agência Mood, a campanha fez tanto sucesso que a marca decidiu lançar uma continuação. Neste novo vídeo, a mãe, Tatiana, que é deficiente visual, acompanha o crescimento do filho Murilo e o poder do abraço e do afeto nos primeiros 100 dias de sua vida.

Além disso, ainda, a campanha traz vídeos de outras mães com deficiência visual que puderam sentir e abraçar seus filhos. O trabalho conta, também, com uma versão da propaganda com audiodescrição, para que pessoas com deficiência visual possam acompanhar a ação.

De acordo com a diretora da categoria de cuidado com bebês da Kimberly-Clark Brasil, Priya Patel, gravar e produzir os vídeos foram momentos de muita emoção: "Foi uma verdadeira experiência acompanhar de perto a evolução física do Murilo em pequenos detalhes, nesses três meses de produção da campanha."

Vídeo sobre a campanha (direto do YouTube, sem audiodescrição):

Fonte: Tudo e Todas

9 respostas para “O que aprendi ao falar no TEDx Talks”

  1. Bom dia. Sou pessoa que gagueja e a vida toda sofri com essa dificuldade. Não consigo me expressar a maneira que gostaria. A gagueira me causa sofrimento, tenho 36 anos e sempre gaguejei. No trabalho isso me causa desconforto, porque as pessoas não entendem o que é a gagueira, alguns riem, outros fazem piadas, outros tem pena de mim. Em entrevistas de emprego sou excluída.
    Não sou uma pessoa considerada ” normal”, mas também não sou considerada deficiente. Esse projeto de lei me trouxe esperança. Muito obrigada pela postagem.

  2. Vcs que tem alguma diferença física dos outros, nuncam se sintam inferiores, somos todos iguais. Deus, Ele nos fez perfeitos com muito amor e todos somos capazes, nunca deixe se elevar pelo sentimento ruim de alguém que não sabe se expressar, qualquer ser humano pode superar suas dificuldades, se orgulhe de vcs, são capazes de fazer sempre o melhor, e use a seu favor: a paciência, benovolência e a calma e toda a sabedoria que vcs tem. Um grande abraço meus irmãos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *