Curso gratuito de Libras nas Fábricas de Cultura de São Paulo

Já estão abertas as inscrições para as aulas gratuitas em cinco unidades da rede

Símbolo de Libras em um fundo na cor violeta
Compartilhe:

Quem quer aprender Libras (Língua Brasileira de Sinais) agora pode contar com as aulas gratuitas nas Fábricas de Cultura Brasilândia, Capão Redondo, Jaçanã, Jardim São Luís e Vila Nova Cachoeirinha e as inscrições já estão abertas. A iniciativa da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, gerenciada pela organização POIESIS.

As aulas ocorrerão uma vez por semana no período entre maio e julho – os dias são variados por unidade. As atividades começam no dia 10 de maio e serão ministradas pelos professores do Núcleo de Ensino Interlibras. Os participantes receberão certificado no final.

O curso é indicado para profissionais da área da educação ou interessados no assunto, que sejam maiores de 15 anos. No total serão 20 vagas para cada turma. A pré-inscrição deverá ser feita pessoalmente ou por telefone da unidade com fornecimento de nome, telefone, e-mail e número de documento. Para conferir as datas das aulas, entre em contato com a unidade escolhida.

Serviço:
Fábricas de Cultura
www.fabricasdecultura.org.br

Fábrica de Cultura Brasilândia
Entrada 1: Av. General Penha Brasil, 2508.
Entrada 2: Av. Inajar de Souza, 7001.
Tel: (11) 3859-2300
Horário de funcionamento: terça a sexta das 9h às 20h.
Sábados e domingos: variável de acordo com a programação.

Fábrica de Cultura Capão Redondo
Entrada 1: Rua Bacia de São Francisco, S/N
Entrada 2: Rua Algard, 82
Tel: (11) 5822-5240.
Horário de funcionamento: terça a sexta das 9h às 20h.
Sábados e domingos: variável de acordo com a programação. 

Fábrica de Cultura Jaçanã
Entrada 1: Rua Raimundo Eduardo da Silva, 138
Entrada 2: Rua Albuquerque de Almeida, 360
Tel: (11) 2249-8010.
Horário de funcionamento: terça a sexta das 9h às 20h.
Sábados e domingos: variável de acordo com a programação.Fábrica de Cultura Jardim São Luís
Rua Antônio Ramos Rosa, 651. Tel: (11) 5510-5530.
Horário de funcionamento: terça a sexta das 9h às 20h.
Sábados e domingos: variável de acordo com a programação.

Fábrica de Cultura Vila Nova Cachoeirinha
Rua Franklin do Amaral, 1575. Tel: (11) 2233-9270.
Horário de funcionamento: terça a sexta das 9h às 20h.
Sábados e domingos: variável de acordo com a programação.

Fonte: Assessoria de Imprensa

9 respostas para “O que aprendi ao falar no TEDx Talks”

  1. Bom dia. Sou pessoa que gagueja e a vida toda sofri com essa dificuldade. Não consigo me expressar a maneira que gostaria. A gagueira me causa sofrimento, tenho 36 anos e sempre gaguejei. No trabalho isso me causa desconforto, porque as pessoas não entendem o que é a gagueira, alguns riem, outros fazem piadas, outros tem pena de mim. Em entrevistas de emprego sou excluída.
    Não sou uma pessoa considerada ” normal”, mas também não sou considerada deficiente. Esse projeto de lei me trouxe esperança. Muito obrigada pela postagem.

  2. Vcs que tem alguma diferença física dos outros, nuncam se sintam inferiores, somos todos iguais. Deus, Ele nos fez perfeitos com muito amor e todos somos capazes, nunca deixe se elevar pelo sentimento ruim de alguém que não sabe se expressar, qualquer ser humano pode superar suas dificuldades, se orgulhe de vcs, são capazes de fazer sempre o melhor, e use a seu favor: a paciência, benovolência e a calma e toda a sabedoria que vcs tem. Um grande abraço meus irmãos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *