Exposição no Rio traz quadros de artistas com deficiência

Mostra ficará aberta até o dia 18 de setembro com obras produzidas por pessoas com deficiência intelectual

Em uma bancada, três frascos de tintas estão abertos, ao lado, há pincéis sujos e um paleta para misturar as cores
Compartilhe:

O público que estiver no Rio de Janeiro poderá visitar a exposição o “Despertar a criatividade – Jogos Paralímpicos” no salão nobre do Arquivo Nacional no Rio de Janeiro. A mostra reúne quadros produzidos por jovens e adultos com deficiência intelectual e vai até o dia 18 de setembro.

O intuito da exposição é mostrar a capacidade criativa dessas pessoas e o olhar estético sobre o tema dos Jogos Paralímpicos.

A abertura da exposição aconteceu na última sexta-feira (9) e teve a apresentação de um grupo de dança de bailarinos com deficiência. A exposição foi organizada pela Secretaria Especial dos Direitos da Pessoa com Deficiência do Ministério da Justiça e Cidadania.

O evento é uma parceria com a Organização dos Estados Ibero-americanos para a Educação, a Ciência e a Cultura (OEI) e a Associação para Desenvolvimento, Educação e Recuperação do Excepcional – Adere.

A exposição está aberta ao público de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h, no Salão Nobre do Arquivo Nacional, até o fim da Paralimpíada. A entrada é franca.

Fonte: Portal Brasil, com informações do Ministério da Justiça

6 respostas para “O que aprendi ao falar no TEDx Talks”

  1. Bom dia. Sou pessoa que gagueja e a vida toda sofri com essa dificuldade. Não consigo me expressar a maneira que gostaria. A gagueira me causa sofrimento, tenho 36 anos e sempre gaguejei. No trabalho isso me causa desconforto, porque as pessoas não entendem o que é a gagueira, alguns riem, outros fazem piadas, outros tem pena de mim. Em entrevistas de emprego sou excluída.
    Não sou uma pessoa considerada ” normal”, mas também não sou considerada deficiente. Esse projeto de lei me trouxe esperança. Muito obrigada pela postagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *