Recife adota mapa tátil para pessoas com deficiência visual

A instalação será feita na Casa da Cultura, no bairro São José, e vai auxiliar na locomoção de pessoas com deficiência visual em pontos turísticos da cidade

Foto de um mapa tátil, com informações em texto e em braile sobre as ruas de Recife
Compartilhe:

O portal NE10 divulgou a notícia de que Recife irá receber um mapa tátil para ajudar na locomoção de pessoas com deficiência visual pelas ruas da capital pernambucana.

A instalação será feita na Casa da Cultura, no beirro de São José, no Centro. O mapa traz informações de endereços, pontos turísticos, pontos de ônibus e táxi para a leitura em braile e também com letras ampliadas para quem tem baixa acuidade visual (baixa visão).

Desenvolvido pela Id Inclusão e Design, o mapa tem o incentivo do Funcultura e produção executiva da Janela Gestão de Projetos. O lançamento acontecerá nesta terça (20), no hall da Casa da Cultura.

A iniciativa é inédita e surge como uma forma de dar continuidade ao Plano Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência, aderido pelo Governo do Estado, em 2012, com o slogan “Viver sem Limites”.

Em entrevista ao NE10, Klesley Bastos, que faz parte do projeto, contou como o mapa foi produzido. Manuel Aguiar, que é cego e consultor de acessibilidade e inclusão, também falou da importância da ação para dar mais autonomia e conhecimento às pessoas com deficiência visual na cidade.

Fonte: Portal NE10

6 respostas para “O que aprendi ao falar no TEDx Talks”

  1. Bom dia. Sou pessoa que gagueja e a vida toda sofri com essa dificuldade. Não consigo me expressar a maneira que gostaria. A gagueira me causa sofrimento, tenho 36 anos e sempre gaguejei. No trabalho isso me causa desconforto, porque as pessoas não entendem o que é a gagueira, alguns riem, outros fazem piadas, outros tem pena de mim. Em entrevistas de emprego sou excluída.
    Não sou uma pessoa considerada ” normal”, mas também não sou considerada deficiente. Esse projeto de lei me trouxe esperança. Muito obrigada pela postagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *