Espetáculo “I Love Neide A Viagem” terá intérprete de Libras

Para as pessoas com deficiência, os ingressos serão cobrados a R$ 20,00.

Foto do ator Eduardo Martini vestido no personagem Neide. Ele está com um vestido azul turquesa, uma peruca grisalha, maquiagem e dentadura. Está com uma mão na cintura e outra segurando um globo terrestre em uma das mãos.
Compartilhe:

Na próxima quinta-feira (23/02), o espetáculo “I Love Neide A Viagem” será apresentado com um intérprete de Libras, em São Paulo (SP). Para as pessoas com deficiência, os ingressos serão cobrados a R$ 20,00.

O espetáculo “I Love Neide – A Viagem”, com Eduardo Martini, é a sequência do monólogo de sucesso “I Love Neide” que divertiu mais de 100 mil pessoas. A peça mostra as loucuras da engraçada senhora especialista em autoajuda, em um tour pelos quatro cantos do mundo. O espetáculo tece uma divertida crítica social, nas várias cenas que mesclam interpretação e dança.

Serviço

“I Love Neide 2 – A Viagem”
Texto: Pedro Fabrini
Direção: Eduardo Martini
Elenco: Eduardo Martini e Pedro Fabrini como participação especial
Temporada: de 12 de janeiro a 23 de fevereiro, quintas-feiras, às 21 horas.
Ingressos: R$50 (inteira) e R$25 (meia)
Local: Teatro Itália
Avenida Ipiranga, 344 – Edifício Itália – Metrô República – São Paulo – SP

Bilheteria

Vendas pela Internet: www.compreingressos.com
Venda por Telefone: (11) 2122-2474
Bilheteria do Teatro (11) 3255-1979

Horários de Funcionamento:
De Terça a Domingo: das 15h às 19h, ou até o início do espetáculo.

Fonte: Mara Gabrilli 

9 respostas para “O que aprendi ao falar no TEDx Talks”

  1. Bom dia. Sou pessoa que gagueja e a vida toda sofri com essa dificuldade. Não consigo me expressar a maneira que gostaria. A gagueira me causa sofrimento, tenho 36 anos e sempre gaguejei. No trabalho isso me causa desconforto, porque as pessoas não entendem o que é a gagueira, alguns riem, outros fazem piadas, outros tem pena de mim. Em entrevistas de emprego sou excluída.
    Não sou uma pessoa considerada ” normal”, mas também não sou considerada deficiente. Esse projeto de lei me trouxe esperança. Muito obrigada pela postagem.

  2. Vcs que tem alguma diferença física dos outros, nuncam se sintam inferiores, somos todos iguais. Deus, Ele nos fez perfeitos com muito amor e todos somos capazes, nunca deixe se elevar pelo sentimento ruim de alguém que não sabe se expressar, qualquer ser humano pode superar suas dificuldades, se orgulhe de vcs, são capazes de fazer sempre o melhor, e use a seu favor: a paciência, benovolência e a calma e toda a sabedoria que vcs tem. Um grande abraço meus irmãos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *