Museu do Amanhã realiza seminário sobre autismo

O seminário, que acontece nos dias 4 e 5 de abril, reunirá profissionais renomados; as inscrições gratuitas pelo site da instituição

Compartilhe:

Em celebração ao Dia Mundial da Conscientização do Autismo – comemorado em 2 de abril, data criada pela ONU –, o Museu do Amanhã promove na próxima quarta e quinta-feira, dias 4 e 5/04, o I Seminário Rio TEAMA: Autismo tem Tratamento. O objetivo é propor debates que contribuam para a melhoraria da qualidade de vida da comunidade autista do Brasil e de seus familiares.

O seminário apresentará palestras sobre os mais avançados tratamentos, contemplando informações sobre o diagnóstico, medicação e terapias. O evento contará ainda com profissionais nacionais e internacionais renomados, como o médico Carlos Gadia, diretor do Dan Marino Center, Miami Childrenʼs Hospital, centro de referência para avaliação e tratamento de autismo e outras desordens de neurodesenvolvimento. Confira programação completa no site da instituição.

Novidade na programação

A partir de abril, o Museu do Amanhã passará a oferecer, uma vez por mês, às quartas-feiras, visita mediada especialmente para autistas e pessoas com deficiência intelectual. A atividade será sempre às 9h, antes da abertura da instituição ao público, com ambiente especialmente preparado – luz e som ambiente reduzidos. Cada grupo poderá ter até 20 pessoas.

Jornalistas interessados devem se credenciar pelo e-mail imprensa@museudoamanha.org.br.

O quê: I Seminário Rio TEAMA: Autismo tem Tratamento
Quando: 4 e 5/4, das 9h às 18h
Onde: Auditório do Museu do Amanhã
Endereço: Praça Mauá, nº 1, Centro – Rio de Janeiro

11 respostas para “O que aprendi ao falar no TEDx Talks”

  1. Bom dia. Sou pessoa que gagueja e a vida toda sofri com essa dificuldade. Não consigo me expressar a maneira que gostaria. A gagueira me causa sofrimento, tenho 36 anos e sempre gaguejei. No trabalho isso me causa desconforto, porque as pessoas não entendem o que é a gagueira, alguns riem, outros fazem piadas, outros tem pena de mim. Em entrevistas de emprego sou excluída.
    Não sou uma pessoa considerada ” normal”, mas também não sou considerada deficiente. Esse projeto de lei me trouxe esperança. Muito obrigada pela postagem.

  2. Vcs que tem alguma diferença física dos outros, nuncam se sintam inferiores, somos todos iguais. Deus, Ele nos fez perfeitos com muito amor e todos somos capazes, nunca deixe se elevar pelo sentimento ruim de alguém que não sabe se expressar, qualquer ser humano pode superar suas dificuldades, se orgulhe de vcs, são capazes de fazer sempre o melhor, e use a seu favor: a paciência, benovolência e a calma e toda a sabedoria que vcs tem. Um grande abraço meus irmãos.

  3. em algumas companhias de avião (Latam, Gol…) só é permitido o voo gratuito do def.fisico em caso de tratamento médico comprovado, para isso deve preencher cadastro valido por um ano, no caso do acompanhante terá 50% de desconto na viagem. melhores informações no Youtube “Pessoas com deficiência terão passe livre em aviões” ou similares. boa sorte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *