Empoderar pessoas com deficiência foi tema de palestra de Alex Duarte

Cineasta foi convidado pela Associação Pais em Movimento, para um bate-papo no auditório do Tribunal de Contas de Santa Catarina

Foto em fundo preto de Alex Duarte sentado em um banco. Ele olha na direção da câmera e sorri. Ele possui cabelos e olhos escuros, está de barba e veste roupas da cor preta.
Compartilhe:

O educador social Alex Duarte, diretor do filme Cromossomo 21 – que conta história de uma mulher com Síndrome de Down lutando pelo amor – fez, na última quinta-feira, uma palestra sobre como empoderar pessoas com deficiência.

O convite veio direto da Associação Pais em Movimento, que reúne cerca de 200 famílias de pessoas com Síndrome de Down.

A palestra teve inscrições gratuitas.

Para saber mais, acesse a notícia completa no site do NSC Total

Fonte NSC Total

6 respostas para “O que aprendi ao falar no TEDx Talks”

  1. Bom dia. Sou pessoa que gagueja e a vida toda sofri com essa dificuldade. Não consigo me expressar a maneira que gostaria. A gagueira me causa sofrimento, tenho 36 anos e sempre gaguejei. No trabalho isso me causa desconforto, porque as pessoas não entendem o que é a gagueira, alguns riem, outros fazem piadas, outros tem pena de mim. Em entrevistas de emprego sou excluída.
    Não sou uma pessoa considerada ” normal”, mas também não sou considerada deficiente. Esse projeto de lei me trouxe esperança. Muito obrigada pela postagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *