Rio estuda inclusão de informações sobre deficiência em documentos de identificação

Projeto de Lei 4.089/18 foi aprovado no dia 8 de agosto e permite a indicação em documentos expedidos pelo Detran

#PraCegoVer #PraTodosVerem Foto da deputada Tia Ju falando em frente a um microfone no congresso. Ela é uma mulher de meia idade, tem cabelos curtos e lisos na cor castanho claro. Esta vestindo uma camisa branca e um terno estampando nas cores preto e branco.
Compartilhe:

Cidadãos do estado do Rio de Janeiro agora podem informar, em documentos de identificação, se possuem algum tipo de deficiência, e qual.

De autoria do deputado Marcos Muller (PHS) e Tia Ju (PRB), o movimento permitirá a inclusão das informações em documentos expedidos pelo Departamento de Trânsito (Detran).

De acordo com o projeto, os documentos serão expedidos de forma gratuita por meio de requerimento, relatórios médicos e documentos pessoais.

O projeto está em sua fase final e, em poucos dias, irá para as mãos do governador Wilson Witzel para ser sancionado ou vetado.

Para mais informações sobre o projeto de lei, acesse o site do Diário do Rio.com

Fonte: Diário do Rio.com

6 respostas para “O que aprendi ao falar no TEDx Talks”

  1. Bom dia. Sou pessoa que gagueja e a vida toda sofri com essa dificuldade. Não consigo me expressar a maneira que gostaria. A gagueira me causa sofrimento, tenho 36 anos e sempre gaguejei. No trabalho isso me causa desconforto, porque as pessoas não entendem o que é a gagueira, alguns riem, outros fazem piadas, outros tem pena de mim. Em entrevistas de emprego sou excluída.
    Não sou uma pessoa considerada ” normal”, mas também não sou considerada deficiente. Esse projeto de lei me trouxe esperança. Muito obrigada pela postagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *