Atletas paralímpicos ensinam exercícios físicos a pessoas com deficiência

Projeto tem como objetivo democratizar a prática de exercícios físicos

Print de um vídeo com Everaldo Lúcio, treinador da Seleção Brasileira paralímpica de atletismo. Ele usa uma camiseta azul com o logo do “Movimento Paralímpico”. Ao lado esquerdo, há símbolos de acessibilidade.
Compartilhe:

Um novo site desenvolvido pelo Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) incentiva e ensina pessoas com deficiência, sedentárias ou não, a se exercitar de modo fácil e seguro.

A plataforma, inteiramente gratuita, traz videoaulas ministradas pelos técnicos das seleções do CPB e demonstradas por atletas paralímpicos. Elas vão desde o aquecimento pré-exercícios até o momento de relaxamento pós-malhação.

As aulas também são específicas para cada tipo de deficiência, incluindo pessoas com deficiência visual e auditiva. Destaques do atletismo brasileiro, como Vinícius Rodrigues (amputado), Felipe Gomes (cego) e Veronica Hipolito (paralisia cerebral), além do nadador Roberto Alcalde (cadeirante), demonstram os movimentos no conteúdo inicial.

Cada módulo do programa “Movimente-se”, como foi batizado, será disponibilizado semanalmente, sempre às segundas-feiras. Serão seis módulos nessa primeira fase da iniciativa.

Acesse o site clicando aqui.

Fonte: Metro Jornal