Festival de Cultura Surda traz debates sobre a arte e a vivência dos surdos

Evento on-line acontece até o dia 8 de novembro

Arte em fundo azul claro com o texto em preto "Festival da Cultura Surda". Ao lado do texto, há uma mão fechada com o dedo indicador levantado para cima.
Compartilhe:

Iniciou ontem, 3, e segue até o dia 8 de novembro, o Festival de Cultura Surda promovido pelo Núcleo de Educação e Relacionamento do Itaú Cultural.

Poesia, música, artes visuais, produção cultural e teatro e influência digital são alguns dos temas que serão abordados em cinco mesas de debate, que ocorrem às 18h30 e às 20h30. Pensar sobre processos criativos em Língua Brasileira de Sinais (Libras) é o eixo principal do evento.

O Festival de Cultura Surda acontece on-line – cada mesa tem um limite de 500 espectadores simultâneos. Confira a programação completa no site do evento. 

Serviço

Festival de Cultura Surda [com interpretação em Libras]
de terça 3 a domingo 8 de novembro de 2020
às 18h30 e às 20h30
on-line – plataforma Zoom (clique aqui para acessar o link, sendo o mesmo para todos os eventos)

Fonte: Itaú Cultural

6 respostas para “O que aprendi ao falar no TEDx Talks”

  1. Bom dia. Sou pessoa que gagueja e a vida toda sofri com essa dificuldade. Não consigo me expressar a maneira que gostaria. A gagueira me causa sofrimento, tenho 36 anos e sempre gaguejei. No trabalho isso me causa desconforto, porque as pessoas não entendem o que é a gagueira, alguns riem, outros fazem piadas, outros tem pena de mim. Em entrevistas de emprego sou excluída.
    Não sou uma pessoa considerada ” normal”, mas também não sou considerada deficiente. Esse projeto de lei me trouxe esperança. Muito obrigada pela postagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *